TotalEnergies anuncia a venda de sua participação em um campo de gás russo para seu parceiro Novatek

Suécia e Finlândia reafirmam seu apoio à Turquia em sua luta contra o terrorismo, Ancara diz que bloqueia sua adesão à OTAN

A Suécia e a Finlândia reafirmaram o seu empenho na luta contra o “terrorismo”A Turquia disse após uma reunião na Finlândia entre representantes turcos, suecos e finlandeses sobre a adesão à Otan dos dois países escandinavos, bloqueados provisoriamente por Ancara. “Finlândia e Suécia reiteraram seu compromisso, consagrado no memorando trilateral” [signé fin juin]mostrar total solidariedade e cooperação com a Turquia na luta contra todas as formas e expressões de terrorismo”afirmou no comunicado do gabinete do porta-voz da Presidência turca.

Desde meados de maio, a Turquia, membro da Aliança Atlântica, vem bloqueando esse processo, acusando os dois países de protegerem os combatentes curdos, que Ancara considera terroristas. No dia seguinte à assinatura do memorando que abre o acesso da OTAN aos dois países nórdicos, a Turquia pediu a extradição de 33 pessoas que considera terroristas. Durante o julgamento, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan falou de um “promessa feita pela Suécia” sobre a extradição de “73 terroristas”. O memorando assinado no final de junho apenas anuncia que Finlândia e Suécia aceitam pedidos de extradição formulado por Ancara, sem mencionar números.

Até à data, vinte e três Estados membros da OTAN – dos trinta – ratificaram o pedido de adesão dos dois países escandinavos. Dos sete restantes países – Espanha, Portugal, Grécia, Eslováquia, República Checa, Hungria e Turquia – apenas este último manifestou oposição. Estocolmo e Helsinque abandonaram sua política tradicional de ficar fora de alianças militares ao anunciar seu desejo de ingressar na OTAN depois que a Rússia invadiu a Ucrânia.

Alberta Gonçalves

"Leitor. Praticante de álcool. Defensor do Twitter premiado. Pioneiro certificado do bacon. Aspirante a aficionado da TV. Ninja zumbi."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *