PSG-Montpellier: um gol de primeira bola, o incrível batismo de Renato Sanches

Sua entrada em jogo poderia ter sido perfeitamente anedótica. Aos 86 minutos deste PSG-Montpellier em que o Paris já vencia por 4-1, Renato Sanches, que acabava de chegar à capital depois de uma pré-temporada branca em Lille, ainda teve as suas primeiras emoções no Parc des Princes por Christophe Galtier . Os mais ousados ​​falarão em treinador vencedor: poucos segundos depois de entrar, o português balançou a rede de Jonas Omlin para o gol de 5-1.

Treinador muito vencedor, inclusive, já que Renato Sanches transformou sua primeira bola com suas novas cores. Um golo em que soube mostrar as suas qualidades, e o seu sentido de jogo, acompanhando muito bem a ultrapassagem do seu compatriota Nuno Mendes pela esquerda a projectar-se na superfície adversária, inserindo-se atrás de Jordan Ferri e Falaye Sacko e concluir pela esquerda, com um golpe de sorte que tropeçou no chão antes de morrer na clarabóia, surpreendendo o goleiro do Montpellier.

Número 18 nas costas, o que vestiu na estreia no Lille e que herdou após a saída de Georginio Wijnaldum para a AS Roma, Renato Sanches foi o quarto e mais recente estreante a estrear-se no PSG este verão. Ausente do grupo na semana passada, para a abertura do campeonato contra o Clermont, ele veio, como Vitinha, Hugo Ekitike e Nordi Mukiele, para reforçar as fileiras parisienses neste verão. Os quatro jogaram esta noite de sábado, com a entrada em jogo bem no final do encontro do antigo Reims.

Recrutado a bom preço pelo PSG no Losc, quando se aproximava um ano do fim de seu contrato, Renato Sanches era um dos alvos prioritários da nova direção esportiva parisiense, ele que já havia sido contratado por Luis Campos e Christophe Galtier no Norte em 2019. Seu perfil versátil, ativo na recuperação e capaz de se projetar para frente, ressoa bem em uma janela de transferências onde a versatilidade parece ser um critério primordial. Na noite deste sábado, o público do Parque poderá apreciar o lado ofensivo de sua paleta. Esperando para ver mais…

Aleixo Garcia

"Empreendedor. Fã de cultura pop ao longo da vida. Analista. Praticante de café. Aficionado extremo da internet. Estudioso de TV freelance."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.