O presidente do Sporting Portugal denuncia as “tentativas de agressão” de Vítor Baía e Sérgio Conceição

MADRI, 12 de fevereiro (Cinktank.com) –

O presidente do Sporting de Portugal, Frederico Varandas, denunciou ter sido “objeto de agressões verbais e tentativas de agressão física” esta sexta-feira” por Vítor Baía, vice-presidente do Porto; Sérgio Conceição, treinador da equipa, e Rui Cerqueira, director de imprensa do clube” após o empate (2-2) com os “Dragoes” em jogo da Liga.

O Sporting disse em comunicado no sábado que “após as declarações do presidente” e “a caminho do autocarro da equipa”, Varandas defrontou Baía, Conceição e Cerqueira. Este último atacou “violentamente” o “presidente do Sporting, roubando-lhe a carteira com o telemóvel, os documentos de identidade e os cartões de crédito, e fugiu imediatamente”.

“Apesar da presença da polícia no local, o aparelho e os documentos não foram encontrados (…) O Sporting vai denunciar Vítor Baía, Sérgio Conceição e Rui Cerqueira. E fará tudo o que estiver ao seu alcance para garantir que os responsáveis ​​por esses atos sejam proibidos de acessar sites esportivos.

“São atos em que são reincidentes, pois têm um longo histórico de intimidação de jornalistas, espectadores e adversários, como é de conhecimento geral. Além disso, o clube verde e branco disse que vai realizar uma investigação sobre “ataques a jogadores do Sporting por elementos fora do campo, que estão documentados em imagens para todos verem”.

“O que aconteceu ontem, dentro e fora do relvado, é demasiado grave para não ter consequências”, acrescentou o Sporting de Portugal, que não pretende “abandonar esta luta” para “proteger o desporto e os cidadãos”.

Chico Braga

"Web enthusiast. Communicator. Annoyingly humble beer ninja. Typical social media evangelist. alcohol aficionado"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.