Ministério Público do Brasil diz que portugueses perseguiram Paolla Oliveira por muito tempo

A atriz brasileira disse que vinha sendo perseguida por Luís Piçarra há cerca de três meses através de mensagens no Instagram. A investigação será redistribuída para um tribunal criminal.Português Luís Mário Monteiro Piçarra que tentou invadir uma residência de Paolla Oliveira em e foi acusado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro pelo crime de perseguição em março, perseguido a atriz brasileira durante vários meses , alegação do Ministério Público do Brasil. A informação avançada pelo jornal brasileiro O Globo.

Relacionados
Brasil. Português é acusado de invadir casa da atriz Paolla Oliveira

Numa altura em que o inquérito será redistribuído para um tribunal criminal, para que também possam ser apurados lesões e lesões corporais, o procurador Márcio Almeida Ribeiro da Silva considerou que no inquérito “há inúmeros crimes a serem melhor investigados, sobretudo para caracterizar a alegada perseguição meses atrás, bem como a dinâmica dos fatos narrados superficialmente”.

Paolla Oliveira e o namorado Diogo Nogueira prestaram queixa na polícia da Barra da Tijuca, em fevereiro, acusando Luís Mário Monteiro Piçarra de ter entrado no condomínio onde a atriz mora a pretexto de recuperar um celular que estaria com a artista. Na porta da casa, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, o português parecia ter mudado, tendo proferido frases desconexas, gritado, insultado e ameaçado o casal com uma arma. De acordo com a pesquisa, Paolla Oliveira disse ter sido perseguida por Luís Piçarra durante cerca de três meses através de mensagens no Instagram. No comunicado, a atriz disse que, em agosto do ano passado, o português chegou a se declarar apaixonado por ela e que iria ao Brasil conhecê-la.

Ao prestar queixa na polícia, a artista disse que se sentiu ameaçada pelas mensagens que recebia, por entender que estava sendo vítima de violência psicológica por ser mulher, figura pública e por considerar que o português estava a abusar do direito à liberdade de expressão, tendo solicitado medidas de proteção como afastamento e proibição de qualquer forma de contacto com Luís Piçarra.

O namorado de Paolla Oliveira, Diogo Nogueira, disse que estava na casa da atriz no dia 5 de fevereiro, quando um funcionário que trabalha na casa de Paolla a avisou que estava na porta um português que ia pegar um celular. A atriz perguntou quais são as características físicas do homem. Ao perceber que era a mesma pessoa que, segundo ela, a perseguia e ameaçava por meio de mensagens há meses, ela proibiu a entrada, mas Luís Piçarra permaneceu por perto.

Entretanto, Diogo Nogueira regressava a casa, depois de ter ido ao apartamento ao lado pedir o download da música enquanto Paolla gravava um compromisso publicitário. Ao chegar à porta, foi insultado e agredido por Luís Piçarra, segundo depoimento da polícia. “”Filho da puta… que está arruinando minha vida!” e “imbecil!”, disse o português. Nogueira, sentindo-se ameaçado, respondeu com um soco.

Logo depois, seguranças do condomínio intervieram e chamaram agentes da delegacia mais próxima, na Barra da Tijuca.

Chico Braga

"Web enthusiast. Communicator. Annoyingly humble beer ninja. Typical social media evangelist. alcohol aficionado"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.