Luis Campos planejaria montar um “loft” para indesejáveis

Em breve a grande limpeza do PSG? De acordo com O parisiense, o novo assessor de futebol do clube da capital Luís Campos, no cargo desde 10 de junho, pensaria na criação de um “loft” no qual seriam colocados os jogadores que já não correspondem ao novo projeto desportivo. Muitos jogadores, por exemplo Laywin Kurzawa, Julian Draxler ou Ander Herrera, escolhidos ou prorrogados pelo ex-diretor esportivo Leonardo, não fazem parte dos planos de Campos e do muito provável próximo técnico, Christophe Galtier.

Quantos lofts seriam? Essa é uma grande questão, sabendo-se que o número de indesejáveis ​​não necessariamente pode ser contado nos dedos de uma mão (Dagba e Icardi também estariam preocupados), e que esse conceito deve atender a critérios legais muito específicos de acordo com o direito do trabalho.

A porta está bem aberta

Para ilustrar o método de Campos, O parisiense cita Julian Palmieri, que foi colocado nesta situação depois que os portugueses chegaram a Lille em 2017. sair”, alerta o meio-campista.

Isso é consistente com as declarações do presidente Nasser al-Khelaïfi no início da semana, que significavam “o fim do brilho” e o retorno ao trabalho de todos os jogadores. “Quem quiser ficar no conforto dele, quem não quiser lutar, vai ficar de lado”, afirmou o técnico do Catar. O objetivo de Campos é formar e unir um verdadeiro grupo de jogadores.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.