Imagem peregrina da Virgem de Fátima vai visitar a Ucrânia pela primeira vez

O Santuário de Nossa Senhora de Fátima (Portugal) anunciou que enviará uma imagem peregrina da Virgem à Ucrânia para que os católicos possam rezar e pedir a intercessão da Mãe de Deus pela paz no país.

A imagem de Nossa Senhora de Fátima chegará à Ucrânia em resposta ao pedido do Arcebispo Metropolitano Greco-Católico de Lviv, Mons. Ihor Vozniak.

“Pedimos que nos envie a imagem da Virgem Peregrina de Fátima à Ucrânia para que possamos rezar por sua proteção para que a paz retorne ao país”, Mons. Vozniak disse ao Santuário em um pedido de 10 de março.

No dia seguinte, o santuário respondeu ao pedido e expressou sua proximidade com os ucranianos nestes tempos difíceis. Estamos “unidos no mesmo espírito de oração, é com grande prazer”, indicou.

Além disso, salientou que é a primeira vez que a imagem peregrina da Virgem de Fátima visita a Ucrânia e ficará no país durante um mês.

A imagem partirá de Lisboa (Portugal) para Cracóvia (Polónia), e depois será transportada pela comunidade greco-católica de Lviv para a Ucrânia.

No dia 11 de março, o reitor do Santuário de Nossa Senhora de Fátima, Pe. Carlos Cabecinhas, celebrou a Missa na Basílica da Santíssima Trindade, onde insistiu na necessidade de rezar pela paz na Ucrânia, sobretudo durante a visita da imagem peregrina da Virgem de Fátima ao país europeu.

“Nossa Senhora aqui em Fátima nos pediu insistentemente que rezássemos pela paz; é esta oração que aqui rezamos diariamente que estará presente na oração de todos os ucranianos diante da imagem da Virgem Peregrina de Fátima”, indicou.

A escultura que será enviada para a Ucrânia é a número 13, a última réplica da imagem original ou número 1, que foi desenhada de acordo com as instruções da Serva de Deus Irmã Lúcia de Jesus, um dos três pastorinhos a quem a imagem apareceu. Virgem de Fátima em 1917.

A imagem original da Virgem de Fátima foi solenemente coroada pelo Arcebispo de Évora em 13 de maio de 1947. Desde então já visitou 64 países.

Em 2000, a imagem original do peregrino foi colocada na exposição “Fátima Luz y Paz”, no santuário português; e em 8 de dezembro de 2003, na Solenidade da Imaculada Conceição de Maria, a imagem foi entronizada na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

A estátua só saiu da basílica em situações excepcionais, sendo a última para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) de 2019 no Panamá.

O Santuário salientou que além de enviar a imagem peregrina à Ucrânia, receberá esta semana um grupo de 35 refugiados ucranianos, a maioria mulheres e crianças.

Os refugiados serão recebidos em resposta ao pedido da Câmara Municipal de Ourém e da comunidade greco-católica portuguesa, cujos assistentes espirituais residem e colaboram no Santuário de Fátima, especificou.

O acolhimento será temporário e o trabalho será feito com as autoridades locais para que estas famílias tenham uma situação mais estável no país, com acesso a documentação, escolaridade, saúde e emprego.

Traduzido e adaptado por Cynthia Pérez. Postado originalmente em ACI Digital.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.