“CR807” já é “imortal”: Portugal rende-se ao goleador Cristiano

Lisboa, 13 Mar “Imortal”, “Esmagador” e “CR807” são alguns dos adjectivos com que a imprensa portuguesa deu hoje a Cristiano Ronaldo, depois do “hat-trick” frente ao Tottenham que o tornou o melhor marcador da história. A façanha do atual jogador do Manchester United, um herói em Portugal, foi destaque na capa do A Bola deste domingo, que só precisou de uma palavra para descrevê-lo: “Imortal”. “Esmagamento” foi o termo escolhido por Récord, que lembrou que “o melhor marcador da história fez um hat-trick” e deu ao português uma nova alcunha, “CR807”, pelo número de golos que marcou ao longo da carreira. O Jogo também refletiu a conquista de Cristiano na sua capa, com a qual “pulveriza as dúvidas” que ultimamente recaíram sobre o avançado madeirense. Cristiano também chegou à primeira página de um dos jornais generalistas de maior circulação nacional, o Público, que escreveu: “807 gols. Agora é oficial: Ronaldo é o maior artilheiro da história”. O português tornou-se no artilheiro da história do futebol neste sábado ao superar os 805 gols marcados por Josef Bican, nascido na Áustria e que jogou entre 1931 e 1955. Cristiano marcou 5 gols ao longo da carreira no Sporting de Portugal, 136 com o Manchester United, 450 com o Real Madrid, 101 com a Juventus de Turim e 115 com a seleção portuguesa.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.