5 coisas para saber sobre o Sporting Portugal… que sonha em derrubar o Manchester City

Esta terça-feira, o Sporting Portugal entra nas grandes ligas. O clube lisboeta formado por Ruben Amorim defronta o Manchester City de Pep Guardiola na primeira mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões.

Na noite desta terça-feira, todos os olhos estarão voltados para o confronto entre o Paris Saint-Germain e o Real Madrid de Karim Benzema. Mas ao mesmo tempo, o encontro entre Sporting Portugal e Manchester City será disputado no José Alvalade (50.000 lugares). Aqui estão cinco coisas para saber sobre o atual campeão de Portugal.

Lugar para a juventude

O “outro” clube de Lisboa conta com vários executivos experientes. Seu guardião Adão34, o zagueiro uruguaio Sebastian Coates31, ou seu atacante de 29 anos, Paulinho. Além disso, são vários os jovens jogadores que compõem o habitual onze do leões (Leões).

Pedro Porro, o pistão direito muito ofensivo, jogador emprestado do… Manchester City, tem 22 anos. Com apenas 20 anos, Gonçalo Inácio ganha lugar na defesa central lisboeta e até bate à porta da selecção. 30 jogos para ele nesta temporada no clube e 15 seleções com as diferentes seções de jovens. Nascido em 2004, o zagueiro direito Gonçalo Esteves já atuou em três jogos do campeonato e um na Liga dos Campeões.

As principais atrações do clube estão no meio-campo. João Palhinha explode em 26. Matheus Nunes, uma das revelações do clube neste duplo pivô aos 23 anos. O outro médio-defensivo Daniel Bragança (25 jogos nesta temporada) aos 22 anos. A estrela da equipe continua Pedro Gonçalves. O ala de 23 anos marcou 13 gols e deu nove assistências em 29 jogos nesta temporada. Ausente do choque contra o Porto neste fim de semana no campeonato, ele pode perder este encontro.

Ruben Amorim, jovem treinador

Uma equipe jovem não fica sem um treinador jovem. Em princípio. Ruben Amorim, titular da equipa principal desde 5 de março de 2020, comemorou no final de janeiro o seu 37º aniversário. Ainda jogador em 2017, este antigo médio, nascido na capital, foi formado no Belenenses, antes de passar a maior parte da carreira no outro clube lisboeta: o Benfica. Nove temporadas no clube, incluindo um empréstimo ao Braga e um exílio de um ano no Catar antes de retornar ao básico. Ruben Amorim tem 14 seleções com Portugal entre 2010 e 2014.

Começou a carreira de treinador em 2018, apenas um ano depois de se aposentar como jogador, no Casa Pia, clube da segunda divisão. Ingressou então no quadro do SC Braga, que por isso conheceu como jogador, antes de substituir Jorge Silas à frente do Sporting. Chegado durante a temporada, Ruben Amorim terminou apenas em quarto lugar na Liga Bwin durante o exercício 2019-2020. Ele conquistou o título da liga na temporada seguinte, sua primeira temporada completa à frente do clube, sofrendo apenas uma derrota no campeonato. Há 19 anos que o clube, entre os 3 melhores de Portugal com Benfica e Porto, esperava um título de campeão.

Uma defesa forte

Um jogo não necessariamente espetacular e que não é muito ofensivo, mas uma defesa que se sustenta sob as ordens de Ruben Amorim. 15 golos sofridos em 22 jogos do campeonato esta época, melhor defesa da Liga Bwin. 12 jogos sem sofrer golos. Uma continuação lógica da temporada passada. O Sporting tinha sido campeão ao sofrer apenas 20 golos durante os 34 dias do campeonato. No entanto, desde a época passada, o clube é apenas o terceiro melhor ataque da sua divisão. 43 gols marcados em 22 jogos desde este verão.

De Paris a Lisboa, Sarabia redescobre-se

Ainda sob contrato com o Paris Saint-Germain, o espanhol parece estar florescendo em Portugal. Estabelecido na ala esquerda ou direita de um 3-4-3 plano, Pablo Sarabia é uma peça central do Sporting Portugal nesta temporada. 30 jogos nesta temporada com os Lions (e dois com o PSG), ele foi titular 17 vezes seguidas. 11 gols e nove assistências em todas as competições. Ele é o segundo artilheiro do clube e o provedor de assistências na liga.

VEJA TAMBÉM – O melhor de Pablo Sarabia no Paris Saint-Germain (2019-2021)

Uma qualificação de correção

O Sporting Portugal nunca poderia ter visto estas fases a eliminar da Liga dos Campeões. Uma qualificação obtida no último minuto. O clube português terminou em segundo no Grupo C, atrás do intocável Ajax (6 vitórias em 6 jogos), com nove pontos, empatado com o Dortmund. Com melhor saldo de gols e vitória por 3 a 1 em casa sobre o Borussia, o clube lisboeta apurou-se para a fase a eliminar.

Chico Braga

"Web enthusiast. Communicator. Annoyingly humble beer ninja. Typical social media evangelist. alcohol aficionado"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.